Hoje é natal rubro-negro! Zico completa 68 anos!

aniversario zico
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Hoje é aniversário do maior de todos! O único, o maior jogador da história do Flamengo, Zico completa 68 anos de muita alegria e glórias! Confira agora algumas lembranças e homenagens ao Galinho.

No dia 3 de março de 1953, em Quintino, nascia um jogador que mudaria a história de todo o futebol Brasileiro, Arthur Antunes Coimbra, o Zico. Desde seus 14 anos no Flamengo, o seu talento era inegável, craque em todas as categorias, Zico estreou no profissional do Flamengo em 1971, com 18 anos, num jogo contra o Vasco, numa vitória de 2×1 do Mengão e também foi o jogo da primeira assistência do estreante como profissional.

Desde cedo muito magrinho, conhecido como Galinho de Quintino, precisou de uma longa preparação e fortalecimento físico para aguentar o pegado futebol Brasileiro. E depois de anos trabalhando nisso, o meia conseguiu se firmar como titular no Flamengo apenas em 1974. E encantava a quem o visse jogar, dribles, lançamentos, piques e um jeito diferenciado de bater na bola, era um fenômeno. E já no seu primeiro ano de titular, Zico virou o camisa 10 do Mengão e conquistou sua primeira bola de Ouro da Revista Placar.

E depois disso, foram só glórias, começavam os anos de ouro do Flamengo, a “Era Zico”. Foram 25 títulos expressivos, incluindo as maiores glórias do Mengão, a Libertadores e o Mundial de 1981. Além dos Campeonatos Brasileiros de 1980, 82 e 83. Os números de Zico pelo Flamengo são de outro mundo, o Galinho é o segundo jogador que mais vestiu a camisa do Flamengo, foram (segundo a Wikipédia) 732 jogos, marcando 509 gols e sendo o maior artilheiro da história do Flamengo.

aniversario zico 68 anos

Em 1983, Zico deixa o Flamengo e se muda para a Udinese, onde até hoje é o maior jogador que vestiu a camisa do clube. O Galinho não teve uma longa passagem pelo futebol Italiano, mas não deixou de apresentar seu grande futebol. Foram 53 jogos e 30 gols com a camisa da Udinese.

E em 1985, Zico retorna ao Flamengo para fazer mais história. Após muitas lesões na Itália e uma lesão muito complicada que sofreu assim que voltou ao Flamengo, o camisa 10 foi submetido a diversas cirurgias e nunca mais conseguiu ser o mesmo, já não vivia seu auge, mas seguia com toda sua genialidade dentro das quatro linhas. Após sua volta, Zico conquistou um campeonato carioca e a Copa União, o campeonato Brasileiro de 1987.

Em 1989, Zico deixa o Flamengo por conta de seus problemas físicos e em 1991 voltou a jogar, só que no Japão, pelo Kashima Antlers. o Galinho é até hoje, conhecido como o popularizador do futebol no Japão, a extrema qualidade do meia Brasileiro encantou e encanta os japoneses, que o apreciam até hoje. Pelo time Japonês foram 64 jogos e 48 gols marcados. E foi lá, que o camisa 10 decidiu pendurar as chuteiras.

Zico, o maior cobrador de faltas da história do futebol!

zico falta aniversario 68 anos
Zico cobrando falta contra o Botafogo.

Não é surpresa pra ninguém, se tem bola parada perto da área, o nome que vem a cabeça é só um, Zico. Ao longo de toda sua carreira, os adversários temiam em cometer faltas perto da área do Flamengo tendo o camisa 10 em campo. Ali era pênalti pro Galinho. Ao todo, foram 62 gols de falta, mais de 10% dos gols de Zico na carreira. E eram de todos os tipos, colocadas, fortes, por cima da barreira, no canto do goleiro, de qualquer jeito, Zico tinha o GPS do gol.

Confira alguns gols de falta do Galinho ao longo de sua vida:

E hoje em dia, por onde anda Zico?

Após se aposentar das quatro linhas, Zico tentou de tudo, vamos para um pequeno resumo. O Galinho já foi secretário Nacional do esporte em 1990 e 1991, foi jogador da Seleção de Futebol de Areia do Brasil por 1995 e 96. E então, decidiu virar treinador, profissão que exerceu de 1998 até 2016, defendendo os seguintes times: Kashima Antlers, CFZ (seu próprio time), a seleção Japonesa, o Fenerbahce, o Bunyokdor, CSKA Moskou, Olympiacos, a seleção do Iraque, o Al-Gharafa e o FC Goa em 2016. Sem muito sucesso como técnico, ZIco não parou de tentar em várias áreas.

O camisa 10 voltou ao Flamengo como dirigente esportivo em 2010 e não durou muito no cargo. Em 2011, o Galinho também começou a ser comentarista esportivo, trabalhando trabalhando no Esporte Interativo e na Rádio Globo.

Mas não foi por aí que Zico parou, em 2017, o Galinho anunciou seu canal no Youtube, o canal Zico 10. Onde o craque traz curiosidades, entrevistas, desafios e muitas outras coisas até hoje. Mas o camisa 10 segue ativo no futebol, desde 2018 ele trabalha como diretor técnico no Kashima Antlers

Temos mais de 1000 histórias para contar sobre o Zico. Simplesmente, o maior de todos, o Flamengo só é o que é devido a ele. Todos os gols, passes, títulos e gols de falta ficarão para sempre na nossa memória! Feliz aniversário, Galinho! E que venham mais 68 anos de muita alegria para o Rei rubro-negro!

Obrigado por ler! Se puder ler outras colunas minhas estaria me ajudando e ajudando demais o site! Me siga (@lucasmasilvaa) no Twitter e siga o Redação Rubro-Negra (@Red_RubroNegra) no Twitter e no Instagram (@redacaorubronegrah). Contudo, se discordou ou concordou com algo que eu disse, ou lembrou de algo que eu deixei de fora, escreva nos comentários! Críticas, contanto que educadas e construtivas, sempre são bem-vindas! SRN.

Está Gostando do Conteúdo ? Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leitura Recomendada