Colunas

Treino do técnico ou jogadores limitados?

0

 ESQUEMA TÁTICO

Os esportes hoje contam muito mais com a tecnologia que antigamente, mas ainda assim criar um padrão tático no treino ao time condizente com as características dos jogadores não é tarefa fácil, muito menos para técnicos acostumados com o tradicional.

O técnico é o profissional que deve instruir a equipe no seu comportamento dentro de campo, com isso habilitando ao time alternativas usuais e acessíveis para um planejamento bagunçado como é o futebol brasileiro.

A principal função do técnico é identificar em cada jogador sua melhor qualidade, e assim fazê-lo exercer em campo juntando a melhor dos outros 10, mas lógico, estamos falando de um elenco a altura da proposta.

Entendendo isso, no caso do Flamengo, com um elenco razoavelmente bom, temos a oportunidade de destacar vários talentos individuais, que somados em campo formam um time habilidoso.

Mas talento individual quando não somado é só talento, é igual a um músico que não treina, basta tentar seu primeiro arranjo vai perceber a necessidade de praticar, que no caso de uma equipe de futebol é o treino.

Porem, mesmo sabendo das dificuldades da equipe sabemos que está ação demanda de tempo e inteligência, o que não exime o técnico de errar, mas de ser analisado minuciosamente quanto a evolução da equipe. Visto que sua equipe não demonstra em campo um padrão tático, uma jogada ensaiada bem elaborada, e entendendo que 90% das vitórias da equipe vieram de jogadas individuais, o técnico deve ser sim questionado.

TREINAMENTO

O padrão que irá ser utilizado pelo técnico deve coincidir com a ideia que ele tem de jogo para a equipe e unindo a habilidade dos jogadores que ele achou necessário ter. Ainda pensando na filosofia de jogo, é mais necessário ainda que o técnico tenha participado das investidas do clube para com os contratados para que se faça condizente com o que ele pretende ter para sua temporada.

O Flamengo fez totalmente o contrário, apesar de Abel não ser unanimidade no clube e nem da torcida, ele não teve haver com os contratados, o que não o tira da linha de falhas do clube, se o técnico que você contrata não viu a necessidade ou não fez força para que os jogadores fossem contratados, ou o clube errou ao contratar o técnico ou o clube errou ao planejar sem o técnico.

TÁTICA

Futebol é conjunto, quando falamos isso estamos dizendo que ataque e defesa são um só. Uma equipe não pode ter um bom ataque com uma defesa vazada, ou uma defesa sólida com um ataque limitado, ou temos um time ou temos um bando.

Abel sempre foi um técnico que jogou com um time, visto hoje pela torcida como covarde, um time que mais defende que ataca, porém no Flamengo apesar de diversas vezes ele fazer mudanças na equipe condizentes com essa filosofia, por vezes ele manteve o time muito espaçado, ou com jogadores que não faziam a função em posições diferentes.

A estratégia da equipe tem de ser preparada conforme a filosofia do treinador, a habilidade dos jogadores e o adversário que vai enfrentar.

Parece simples, mas imagina você de um treino específico para formar um time com 11 jogadores sendo que todos devem efetuar suas funções em prol do coletivo, e ainda sim sobressair com seu talento individual?!

Elenco 2019

TREINO DE INDIVIDUALIDADES

Na equipe hoje podemos contar com diversos jogadores com habilidades acima da média. Contratações caras mas que vieram ao clube para mudar o patamar. Jogadores que seriam titulares em 80% das equipes do futebol.

Mas só essa habilidade não forma uma equipe, mas um amontoado de bons jogadores. Que é o que hoje acontece com o Flamengo, ainda pior, quando uma habilidade não é treinada de forma correta ela tende a regredir, que é o que está acontecendo com o time, temos jogadores que estão errando muito mais que acertando por falhas técnicas.

TREINA E NÃO TEIMA

A maioria dos técnicos mais tradicionais não pecam por não saber treinar, mas pecam por saber e ainda sim inventar. Um futebol rico igual o brasileiro, competitivo e somado a diversas tecnologias devia ser muito melhor aproveitado.

Os times fazem grandes investimentos dentro e fora do clube para que o técnico possa usufruir tudo isso e fazer um trabalho mais detalhista, e mais dentro do seu propósito. O que não vem acontecendo há anos no Clube de Regatas do Flamengo.

LIMITAÇÕES

É óbvio que toda equipe tem limitações, assim como o Flamengo tem várias, mas o que hoje vai além das limitações da equipe, são as falhas do técnico, dentro (jogo) e fora (treino) de campo.

Abel Braga não parece se importar muito se estão satisfeitos com seu trabalho, ele impõe o que pensa sem medir consequências, e Flamengo mesmo sabendo que não existe consequências ao se afastar do mesmo, manifesta o interesse de dar força e esperar que as coisas mudem da água para o vinho.

DE QUEM É A CULPA?

 

 

Emilli Carinne Furtado de Carvalho

Com “Fora Abeu” e “Copa Mick”, muros da Gávea amanhecem com pichações novamente

Previous article

Rica Perrone fala um pouco sobre o Flamengo: “Torcida apaixonante”

Next article

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error

Gostou do site ? Espalhe essa onda Rubro Negra

Instagram