Reação
Foto : Alexandre Vidal

Todos estão cansados de saber que o flamengo tem um estilo de jogo pra cima do inicio ao fim e não desiste da vitória, aliás, tem sido assim dentro e fora de casa. Mas, e quando sai atrás do placar? Conheça o líder em reação no campeonato. Este é o Flamengo de 2019.

O que aconteceu na última vitória diante do Bahia, só reforçou o que os números já nos diziam.

No campeonato Brasileiro de  2019 o Flamengo saiu atrás do placar em 9 jogos até o momento.Entretanto o poder de reação da equipe proporcionou incríveis viradas em 5 jogos, somadas a 1 empate e 3 derrotas.

Vamos aos números:

O aproveitamento chega aos 59.3%, mais um quesito que o Flamengo lidera no campeonato, é o clube que mais possui poder de reação quando é exigido.

Foto: Alexandre Vidal
Gabigol comemora seu gol na reação do Flamengo para cima do Bahia. Foto: Alexandre Vidal

Flamengo vira o jogo em cima do Bahia e abre 10 pontos para o Palmeiras.

Para uma melhor análise vamos comparar os 4 clubes com os melhores aproveitamentos em jogos que esteve atrás do placar no campeonato brasileiro de 2019:

 

FLAMENGO (5V – 1E – 3D) 59.3%

PALMEIRAS (1V – 7E – 3D) 30.3%

ATHLETICO PR (3V – 3E – 7D) 25%

CORINTHIANS (2V – 3E – 7D) 25%

 

3 destas 5 vitórias de virada foram sob o comando de Jorge Jesus.

Psicológico forte:

Mas o que leva o Flamengo a conseguir este feito? A calma e a confiança. É difícil, quase improvável assistirmos o Flamengo de 2019 desesperado dentro de campo, bagunçado e saindo do seu “normal”.

 

Contra o Bahia, a equipe dominou a partida, esteve mais tempo com a bola, mais finalizações, mais chances de gol, mais passes certos, porém quem abriu o placar foi a equipe adversária, um gol contra, para a infelicidade do Willian Arão, mas calma, acontece. E o Flamengo sabia disso, sabia que uma hora ou outra o bloqueio seria furado, bastava não se desesperar e continuar fazendo o seu jogo, superior ao adversário tecnicamente e fisicamente, não demorou muito para o “normal” voltar a acontecer no Maracanã.

 

Um trabalho que devemos muito também a comissão técnica, não só Jorge Jesus, mas todos aqueles que compõem e ajudam no resultado final, o Flamengo adquiriu um psicológico forte, aliado a autoconfiança, técnica e muita vontade de vencer e ser campeão.

 

Qual flamenguista gritaria “é campeão” faltando 6 rodadas ainda para o fim do campeonato? Milagres acontecem sim, e graças a Jesus, hoje a autoconfiança ultrapassa o campo,chega nas arquibancadas e explode no peito dos torcedores.

Ainda não ganhamos nada, verdade. Mas você reparou como eu comecei a frase? Ainda!

Seremos campeões!

SRN.

Veja também: Os números do Gabigol com a camisa do Flamengo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui