Futebol Profissional

Os reservas do Flamengo estão em ‘oto’ patamar

Em 2019 o Flamengo investiu muito, contratou 8 jogadores, os 8 viraram titulares e foram importantes pras conquistas. Entretanto, com o time já titular já formado quase inteiro pra 2020, o Flamengo decidiu reforçar o seu banco de reservas, que nos trouxe alguns problemas em 2019.

Até agora foram 2 contratações anunciadas e mais 3 que parecem estarem próximas do anúncio, Pedro Rocha, Gustavo Henrique (anunciados) e Michael, Pedro e Thiago Maia, ainda não foram anunciados. Sem esquecer também do foco da diretoria pra esse ano que é contratar em definitivo o artilheiro do ano passado, Gabigol. E acontecendo tudo isso que eu disse, creio que só faltará um lateral direito para fecharmos nosso elenco com titulares e reservas a altura.

Reservas do Flamengo: Gustavo Henrique e Pedro Rocha.
Pedro Rocha e Gustavo Henrique juntos no Ninho. Foto: Marcelo Cortes/Flamengo

Segundo torcedores e jornalistas, o time reserva do Flamengo é melhor que muitos times titulares do Brasil, será que isso é verdade? Separei aqui os jogadores que devem compor nosso time reserva e vou comentar um pouco sobre ele e comparar com outros jogadores que se destacaram no Brasil nos últimos anos.

Reservas do Flamengo:
Goleiro – César: 

O guarda redes do nosso time reserva é um garoto do ninho que demorou pra encontrar seu futebol e suas chances. Revelado em 2011, César rodou um pouco sendo emprestado até que, conseguiu se estabilizar no Flamengo em 2017 e de lá pra cá recebe chances como reserva imediato do Diego Alves.

Em 2019, os 3 goleiros que mais se destacaram, além do Diego Alves, no Brasil foram: Tadeu, Santos e Volpi. Eu acredito que, principalmente pela fase, o César não é melhor que esse nomes.

Lateral direito:

Essa posição em especial eu vou deixar em branco por não saber quem o Flamengo vai contratar e por a gente só ter o João Lucas, que ainda pouco vimos jogar e não sabemos muito do potencial.

Zagueiros – Gustavo Henrique e Thuler:  

O primeiro reforço de 2020 na nossa lista é o zagueiro Gustavo Henrique, que fará dupla com o Garoto do Ninho, Thuler. O Thuler, já conhecemos, é um zagueiro rápido, com um bom tempo de bola. Já o Gustavo Henrique é um zagueiro mais lento, com uma ótima disputa aérea e um bom tempo de bola.

Em 2019, os zagueiros que mais se destacaram no Brasil, fora os do Flamengo, foram: Cuesta, Rafael Vaz e Geromel.  O Thuler a gente pouco viu, mas consigo afirmar que ele e o Gustavo Henrique são melhores que o Rafael Vaz e tem potencial pra chegarem ao nível de Cuesta e Geromel.

Lateral esquerdo – Renê: 

O nosso lateral esquerdo reserva seria titular, eu diria, em quase todos os times da Série A, em 2018 foi eleito o melhor lateral esquerdo do Brasil e em 2019, manteve o nível na lateral, quando o Filipe Luis não pôde jogar.

Os laterais esquerdos que mais se destacaram no último ano, tirando o Filipe Luís, foram: Jorge, Reinaldo e Moisés. Com a exceção de Jorge, que provavelmente não permanecerá no Brasil em 2020, eu acredito que o Renê seja melhor que os outros 2. E, com a saída de Jorge do Brasil, pra mim, o Renê vira o segundo melhor lateral esquerdo do país, atrás apenas do Filipe Luis.

Reservas do Flamengo - Renê
Reservas do Flamengo – Renê. Foto: Alexandre Vidal/Flamengo
Volantes – Thiago Maia e Piris da Motta: 

A partir daqui, eu não sei como o técnico Jorge Jesus vai montar a equipe reserva, temos 7  nomes do meio pra frente pra 6 posições. Não sei se ele vai montar o time sem o Piris, perdendo poder de marcação, ou se deixa o Piris e retira algum dos atacantes. Mas, eu vou falar dos 7 nomes e deixar essa dor de cabeça pro Mister.

Thiago Maia, embora ainda não anunciado, já é dado como certo no Flamengo e deve ser anunciado nos próximos dias. O jovem volante, pode atuar tanto como segundo quanto como primeiro homem do meio campo e já atuou bastante nas duas posições. Já o Piris é um volante de marcação nato e embora muito criticado, continuou tendo chances, muito por ser o único do elenco.

No Brasil, os volantes que mais se destacaram em 2019, fora os do Flamengo,  foram: Gregore, Léo Sena e Matheus Henrique. Eu acredito que, pelo futebol apresentado no Santos e na seleção Olímpica, Thiago Maia seja melhor que esses jogadores, ou pelo menos do mesmo nível do Matheus Henrique, que é o jogador que mais me agrada desses 3. Já o Piris, o volante perde num mano a mano pra esses outros 3.

Meia – Diego Ribas:

O armador dos reservas é um dos grandes jogadores do atual elenco, mas que, pelas lesões e pela idade, perdeu espaço e virou reserva da equipe. Diego Ribas, desde que chegou no Flamengo viveu altos e baixos, amado e odiado pela torcida, mas parece que desde que virou reserva encontrou a paz. O meia aceitou a nova função, e ganhou ainda mais respeito da torcida.

No ano passado, os meias que mais se destacaram no Brasil, tirando os do Mengão, foram: Jean Pierre, Carlos Sanchez e Gustavo Scarpa. Eu acho uma disputa complicada, mas, Diego ganha dos 3 na parte da carreira, no atual momento, o Sanchez está melhor, o Jean Pierre tem muito potencial, mas vive uma lesão complicadíssima. Portanto, creio que entre esses 3, o Diego, perca apenas para o Carlos Sanchez, de acordo com o 2019 dos 2.

Reservas do Flamengo: Diego e Piris da Motta

Reservas do Flamengo: Diego e Piris da Motta. Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

Pontas – Michael, Pedro Rocha e Vitinho: 

Como eu disse em cima, temos muitos nomes pra poucas posições, então vou comentar de todos os pontas reservas juntos, mesmo alguns podendo não jogarem nem no time reserva.

Michael, a revelação do campeonato Brasileiro de 2019, embora ainda não anunciada oficialmente pelo Flamengo, já está há alguns dias no Ninho e já tem até fotos treinando com a camisa do Flamengo. Pedro Rocha é outro grande jogador que chegou em 2020 pra compor o elenco do Mengão. Já o Vitinho, o jogador, assim como o Diego, desde que chegou no Flamengo vive altos e baixos com a torcida, principalmente por ser a segunda maior contratação da história do clube.

No Brasil, os pontas que mais se destacaram em 2019, fora os do Flamengo,  foram: Soteldo, Everton Cebolinha e Dudu (além do próprio Michael que eu não vou botar na lista). Mas, embora a gente tenha 3 ótimos pontas reservas, eu acredito que nenhum deles ganhe numa disputa mano a mano com os outros 3 melhores do Brasil. Embora a disputa seja bem acirrada, eu acredito que os outros 3 tenham mais qualidade.

Reservas do Flamengo: Vitinho
Reservas do Flamengo: Vitinho.
Centroavante – Pedro: 

No comando do ataque, temos outro que, embora já dado como certo com o Mengão, falta o anúncio. Pedro, revelado no Fluminense, é um grande goleador, um jogador alto, com um ótimo tempo de bola aérea e um excelente faro de gol, faz gol de tudo que é jeito. O Pedro eu já comentei mais sobre ele no meu texto de opções que podem substituir o Gabigol, leia clicando aqui.

No Brasil, os 3 centroavantes que mais se destacaram, tirando o Gabigol, foram: Gilberto, Sasha e Everaldo. Essa é fácil, Pedro é melhor que esses 3 atacantes. Embora eles tenham feito muitos gols, Pedro também tinha números parecidos no Brasil e a qualidade técnica nem se compara.

Enfim, chegamos no final da nossa lista e deu pra ver que, em algumas posições há disputa, em outras nem tanto. Mas, no geral, temos um excelente time reserva e se combinado com nosso time titular que é quase perfeito, temos o melhor elenco do continente. E como diria o mestre, Bruno Henrique…

 

Obrigado por ler! Se puder ler minha última coluna estaria me ajudando e ajudando demais o site! Me siga (@Lucas_SilvaCRF) no Twitter  e siga o Redação Rubro-Negra (@Red_RubroNegra) no Twitter e no Instagram (@redacaorubronegrah). Contudo, se discordou ou concordou com algo que eu disse, ou lembrou de algo que eu deixei de fora, escreva nos comentários! Críticas, contanto que educadas e construtivas, sempre são bem-vindas! SRN.

Lucas Silva

Completamente louco pelo Flamengo 🔴⚫

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar