Futebol ProfissionalAna Júlia

O desejo incessante de conquistar o mundo de novo

1

Logo mais, às 14h30 (de Brasília), o Liverpool estreia no Mundial de Clubes em busca do seu primeiro título mundial na história. O adversário é o Monterrey, do México. As equipes decidirão quem vai enfrentar o Flamengo, no Khalifa International, em Doha.

–

Zico segurança a taça do Mundial, em 81, no Japão

Em caso de classificação dos Reds, o confronto entre Liverpool e Flamengo repetirá 81. Por definição da Fifa, o time carioca deverá atuar com o segundo uniforme, que é branco, assim como o time de Zico atuou na conquista do Mundial daquele ano.

A temporada do time inglês até aqui é positiva. São 21 vitórias, cinco empates e apenas uma derrota. Mas, o retrospecto do time em finais de Mundiais dá esperança aos torcedores flamenguistas. O Liverpool perdeu todas as finais que participou. Além do Flamengo ter derrotado os ingleses por 3 a 0 em 81, o Independiente (1984) e o São Paulo (2005)  venceram os reds por 1 a o.

E agora seu povo, pede o mundo de novo…

É fato que os europeus não valorizam o Mundial de Clubes como os torcedores dos outros continentes valorizam. Essa semana o alemão Jürgen Klopp, técnico do Liverpool, declarou até que preferia ter ficado na Inglaterra jogando a competição local.

Mas do lado de cá é diferente. O desejo pelo troféu do Mundial de Clubes transcende o natural. Ele é sonhado por 42 milhões de torcedores há 38 anos, desde a primeira conquista em 1981.

A possibilidade de conquistar o mundo de novo é real. O Flamengo conquistou a Libertadores e chegou forte “#PeloMundoDeNovo”. As coincidências são muitas, a diferença entre os dois clubes existem, mas a vontade é muito maior do lado de cá.

A música “Em dezembro de 81” é um marco na temporada incrível que o Flamengo fez em 2019. Ela foi fundamental principalmente nas viradas contra o River Plate e Al Hilal. Contra quem seja a final no próximo sábado, em Doha, no Brasil e em qualquer outro lugar do mundo, haverá rubros negros pedindo o mundo de novo. Até o final.

O pedido é um só: Pra cima deles, Flamengo!

Confira o grupo do Flamengo na Libertadores 2020

 

 

Redação Rubro Negra

Libertadores 2020: Grupo do Flamengo conta com Del Valle e Junior

Previous article

Flamengo e Internacional negociam empréstimo de Rodinei

Next article

1 Comment

  1. […] A continuidade do padrão que estabelecemos em 2019 é mais importante agora do que simplesmente ganhar outro título. O Flamengo dos últimos anos foi um time que não conseguia manter um padrão de alto nível entre jogos, sempre oscilando e perdendo rendimento, por isso o trabalho de continuidade e melhora nesse padrão é o que vai nos fazer estar sempre brigando em alto nível. […]

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error

Gostou do site ? Espalhe essa onda Rubro Negra

Instagram