HumorJosé Cruz

Nego Ney: mascote da torcida rubro-negra

0

“Nego Ney, Nego Ney, Nego, Nego, Nego Ney …”

Falaaaaa galera! Tô na area. Hoje eu vou falar desse molecote que conquistou as arquibancadas do maraca, a internet, o elenco rubro-negro e o mundo do funk, Nego Ney. E isso tudo com o seu carisma, seu passinho, e é claro: bigodin finin, cabelin na régua, ela olhou pra mim, eu olhei pra ela, eu falei ACÉM, então vem com kevin e Cris, SENTA, SENTA… Hô! Me empolguei, foi mal! É só até o “cabelin na régua”. Essa música é viciante. E eu nunca entendi. Por que ele fala ACÉMMM? Não é possível que sou só eu que ouço “ACÉMMM” ao invés de “assim”. Parece que o cara estava compondo a música no açougue e alguém do nada, pergunta: qual carne senhor? ACÉMMMM!

Essa música se tornou uma marca registrada do menino Nego Ney. Na verdade muito mais do que isso, porque por onde a gente passa essa música está tocando. E a gente fica só esperando a parte do: AI DROGA! Confessa. Por que eu sei que você faz isso. Além disso, Nego Ney virou um hit, um funk carioca, e está fazendo muito sucesso nos bailes pelo Brasil.

E pensar que tudo começou de forma despretensiosa.

Fiz um trabalho investigativo para saber a origem do apelido do nosso menino loiro. E descobri galera. Ao que parece era uma resenha brincante que o pai dele (Nego Ney) tinha com um amigo do bairro, aí o menino acabou entrando na brincadeira e  ganhou o apelido também, só que quando postaram o moleque fazendo o passinho e cantando Nego Ney, imediatamente ele acabou viralizando na internet.

Nego ney

Quer contratar meus serviços ?

E isso trouxe uma onda de acontecimentos: foto do Nego do Borel com o Neymar, que fazendo a fusão sayajin faz com que eles virem Nego Ney. Gabigol viu o vídeo do menino dançante e o chamou para entrar com ele em campo, contra o Madureira, no Maracanã. Flamengo dará um passo de cada vez! fez gol, balançou a rede e fez o passinho. Ele apareceu no Fantástico, no Globo Esporte, virou letra de vários funks, participou de clip’s musicais, deu entrevistas e mais entrevistas, foi entrevistado pelo David Brasil, pelo Rodrigo Faro, e ainda virou mascote da torcida rubro-negra. Ufa! Que vida agitada em Nego Ney?!

Uma verdadeira celebridade carioca

As redes sociais do pequeno astro rubro-negro não param de crescer. Para ter uma ideia, o perfil do Instagram do menino loiro tem mais seguidores do que a página oficial do Botafogo. “Haaaa não mano, é mentira! Não é possível. O Botafogo não iria ter menos seguidores do que o moleque dançante”, pensei eu. Fui lá conferir, mas todo descrente, falando comigo mesmo: “impossível isso, o Botafogo é antigão, tem mais de cem anos, o moleque é novinho”. Quando abro a página do moleque. Pá! Mano do céu, o Nego Ney é mais famoso que o Botafogo. Haaaaaaaa me solta [email protected]$#%¨! kkkkk ri alto, velho!

O moleque virou uma ceita, meus caros espectadores. Tem vídeo dele em Belém do Pará participando de um show, como atração do espetáculo. Tem foto dele num Porsche. Tem fotos com o Rodrigo Faro, Gabigol, Juan, com o Mumuzinho, com a Rainha da Inglaterra. Mentira, com a Rainha da Inglaterra ele AINDA não tem, mas não vou estranhar nada se a qualquer hora dessas a gente ver uma foto dessas.

Ele está o tempo todo na TV

Vi algumas entrevistas do nosso Justin Bieber carioca, que foram bem interessantes. Ele só respondia “Nego Ney” e começava a dançar. Tipo: você gostou de ter conhecido o Gabigol? Ele: uhum… Nego Nego, Nego Ney ficava cantando e dançando. Aí o repórter continuava: Gostou de entrar no gramado do Maracanã? Ele: Nego Nego Ney. kkkkkkk ri muito disso. Ou ele tava tirando uma onda, ou não sabia o que dizer e já emendava na dancinha. Sensacional!

Além dos programas televisivos, Nego Ney é estourado no Youtube, onde seus vídeos atingem marcas impressionantes. O clipe oficial de sua música já ultrapassou 15 milhões de visualizações, e eles basicamente só falam “Nego Ney” a música inteira. É um fenômeno. Uma estrela. Que música! Que talento! Que coisa hein! Nem o vídeo com o hino do Flamengo tem tantas visualizações. Bagulho doido hein!!??

Mas isso é fácil de explicar

Esse menino, de um bairro pobre do Rio de Janeiro, com poucas oportunidades na vida, mas com muita alegria e paixão pelo Mengão, encantou todos. Não só os rubro-negros. Mas todos brasileiros, que viram nele a alegria e simplicidade que representa todos nós. Seus sonhos se realizando faz com que todos nós acreditemos que é possível realizar os nossos também.

Mais que um simples menino, ele se tornou um símbolo. Um amuleto da sorte. Um mascote para a torcida rubro-negra. É uma referência para todas as crianças da favela que sonham em conhecer seus ídolos do futebol, poder entrar no Maracanã lotado de mãos dadas com o Gabigol e viver toda essa história que ele está vivendo. Nas nossas favelas temos muitos outros garotos talentosos e sonhadores como o Nego Ney, por que a favela é pura arte, pura alegria, pura vida! A favela vive! A favela é: Nego Ney, Nego Ney e Nego Ney!

Salve Nação, José Cruz.

José Cruz

Bujica: dois gols contra o Vasco e o “caçador de Marajás” no brasileiro de 1989

Previous article

Hoje é dia de Orgulho da Nação!

Next article

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *