Basquete Notícias

Flamengo lamenta morte de Kobe Bryant

Flamengo Lamenta morte de Kobe Bryant
Flamengo lamenta em suas redes sociais morte de Kobe Bryant

O Clube de Regatas do Flamengo lamentou a morte de Kobe Bryant, em suas redes sociais.

Um gênio do basquete que ultrapassou as barreiras para ser um ídolo para todos os esportes, independente de Clube, agremiação ou Franquia.

No perfil oficial do clube no instagram os dizeres foram:

“O Clube de Regatas do Flamengo lamenta profundamente o falecimento de @kobebryant, astro da @nba e ídolo do @lakers e da @usabasketball. Desejamos muita força aos familiares, amigos e fãs. Descanse em paz, lenda!”

Algumas personalidades Rubro Negras também se manifestaram com o desaparecimento trágico de um grande ídolo.

Olivinha “A vida é um sopro! Aproveite enquanto você pode, pq o dia de amanhã ninguém sabe o que vai ser. Inacreditável essa notícia do falecimento do Kobe. Que tragédia. RIP Kobe Bryant”

Jhonatan Luz colocou uma imagem de Kobe em seu Insta com a palavra R.I.P.

Marcelinho Machado, maior ídolo do basquete rubro-negro, comentando partida da NBA pelos canais SporTV, falou da vez que Kobe Bryant conheceu seus filhos, e chegou a fazer uma brincadeira com os garotos que Kobe fazia muito com as filhas dele. “Um cara diferenciado, e do bem” declarou Marcelinho.

O Pivosão Eloy Vargas deixou os dizeres “Rest peacefully Mamba and Mambacita” “Descance em paz Mamba e Mambacita”. Nessa declaração Eloy cita a filha mais velha de Kobe, Gigi,  que estaria também no helicóptero.

Flamengo lamenta morte de Kobe Bryant
Kobe Bryant ao lado de sua Filha Gianna Maria

O americano Zach Graham agradeceu a genialidade de Kobe. “Thank you, Kobe. Legends are Forever” “Obrigado Kobe. Uma lenda para sempre”

Kobe Bryant foi vitima de um acidente de helicóptero no início da tarde onde estava acompanhado de sua filha Giana de 13 anos, e mais 3 pessoas que até então não tiveram suas identidades reveladas.

Kobe transcendeu o muro do esporte. Reverenciado em todos os lugares, onde chegou a ganhar até mesmo um Oscar em 2018 referente a melhor curta-metragem de animação.

Em 2011 chegou a ser cotado em jogar no FlaBasquete, época em que jogadores da NBA decretaram grave.

Agentes de Kobe chegaram exigir 1 milhão de dólares mensais para Kobe jogar o NBB.

Kobe pode não ter sido o maior da história no basquete. Pode estar fora até mesmo dos top 5. Mas como já foi dito, o cara foi um dos maiores fenômenos de massa em relação a idolatria no esporte.

De fato transcendeu esportes, clubes, franquias ou qualquer agremiação que fosse no mundo.

O Redação Rubro-Negra lamenta profundamente a morte desse ícone do esporte!

 

Romulo Ferreira

Carioca de pai e mãe capixabas, cara família, temente a Deus. Eletricista Industrial de profissão. Flamengo por vocação! Amante de basquete, fissurado em vôlei. Admiração absurda pelo Maestro Junior, pelo campeão de tudo com o FlaBasquete Marquinhos, e pela espetacular Virna.
Defensor dos esportes olímpicos, e agora, colunista do Redação Rubro Negra.
"Feito de torcedores, para torcedores" 🔴⚫

1 Comentário

Clique aqui para publicar um comentário

Colunistas

Romulo Ferreira

Carioca de pai e mãe capixabas, cara família, temente a Deus. Eletricista Industrial de...

Romulo Ferreira

Carioca de pai e mãe capixabas, cara família, temente a Deus. Eletricista Industrial de...

Romulo Ferreira

Carioca de pai e mãe capixabas, cara família, temente a Deus. Eletricista Industrial de...