Futebol Profissional

Jorge Jesus: O “Mister Títulos”

Jorge_Jesus

Com Jesus, o milagre foi rápido…

Quando Jorge Jesus chegou oficialmente ao Flamengo em junho de 2019, havia entre os rubro-negros, a esperança de dias melhores e de ter uma era vitoriosa, só não esperava-se que seria tão rápido. Com o título da Recopa-Sul americana sobre o Independiente Del Valle, o treinador português conquistou seu quinto troféu como treinador do Flamengo (contando Taça Guanabara).

Para se ter uma ídeia de quão rápido, o treinador transformou o Flamengo: sobre o comando de Jorge Jesus, o Mengão já tem mais títulos (cinco) do que derrotas (quatro). Sem dúvida, é algo pra lá de surpreendente. Tão absurdo quanto todos esses títulos, é o tempo que se levou para conquistar tantas medalhas. O normal no mundo do futebol é os resultados virem com o tempo, o “ideal” seria pelo menos seis meses a um ano de trabalho.

Os únicos campeonatos que o Flamengo disputou com Jesus e não ganhou foram a Copa do Brasil (eliminado pelo Athlético com menos de um mês de trabalho) e o Mundial de Clubes onde perdeu pro Liverpool somente na prorrogação. Uma prova de que além de ser campeão quase sempre, até nas derrotas, os times do Mister mostram brio, mostram que são bem treinados, que têm qualidade para ir longe.

Jorge_Jesus
Jorge Jesus comandando treinamento no Mundial de Clubes em Doha Foto: Alexandre Vidal

Cada vez mais, Jorge Jesus vai escrevendo seu nome na história do Flamengo e sem dúvidas, do futebol brasileiro. Não é nenhum absurdo pensar que se o Mister ficar por mais dois ou três anos e mantiver essa média de pelo menos um par de títulos a cada 365 dias, ele possa se tornar o maior treinador da história do clube, superando nomes como Cláudio Coutinho, Carlinhos entre outros.

Para desespero dos “distribuidores de coletes” que temos no futebol brasileiro (e seus puxa-sacos), Jesus segue empilhando títulos, bom futebol e cada vez mais aumentando sua galeria. Ontem (26) contra o Del Valle, o Flamengo jogou com um a menos por mais de uma hora e mesmo assim conseguiu equilibrar o jogo, tomando poucos sustos nesse tempo.

Que Jesus continue fazendo muitos milagres aqui no Mengão, vida eterna ao nosso Mister por aqui!

Jorge_Jesus
Jesus orienta o time no primeiro jogo contra o Independiente Del Valle Foto: Alexandre Vidal

 

Leia também: Arsenal sinaliza que irá contratar Pablo Marí em definitivo

 

Por: Gabriel Fareli

 

 

Gabriel Fareli

Pai do Enzo. Rubro-Negro. Estudante de Jornalismo (3/8). Apaixonado por Samba/Pagode.

Adicionar comentário

Clique aqui para publicar um comentário

Colunistas

Gabriel Fareli

Pai do Enzo. Rubro-Negro. Estudante de Jornalismo (3/8). Apaixonado por Samba/Pagode.

Gabriel Fareli

Pai do Enzo. Rubro-Negro. Estudante de Jornalismo (3/8). Apaixonado por Samba/Pagode.

Gabriel Fareli

Pai do Enzo. Rubro-Negro. Estudante de Jornalismo (3/8). Apaixonado por Samba/Pagode.