Em Fla-Flu movimentado, Flamengo desperdiça chances, perde pro Fluminense por 1×0 e perde a invencibilidade em 2020.

Em Fla-Flu movimentado, Flamengo desperdiça chances, perde pro Fluminense por 1×0 e perde a invencibilidade em 2020.

Dia 29 de janeiro, 20:30 da noite, e o Flamengo entrou em campo para o segundo clássico do ano. Dessa vez, diferente do jogo contra o Vasco, o Flamengo foi com a equipe Sub-20 e o Fluminense com a equipe titular. O Flamengo estava invicto em 2020 até hoje, mas, em um Fla-Flu bastante movimentado, os Garotos do Ninho levam um gol bobo no segundo tempo e sofrem a primeira derrota do ano.

As equipes:

O Flamengo veio a campo pro Fla-Flu com a equipe sub 20 que estava escalada com: Gabriel Baptista, João Lucas, Rafael Santos, Hugo Moura, Ramon, Richard Rios, Vinicius, Pepe, Yuri Cezar, Rodrigo Muniz e Bill.

Durante a partida, Lucas Silva entrou no lugar de Yuri Cezar e Wendell no lugar de Bill. E Pepe deixou o campo para Guilherme Bala entrar.

O Fluminense veio a campo com o melhor que tinha a disposição e veio escalado com: Muriel, Gilberto, Digão, Luccas Claro, Egídio, Henrique, Hudson, Yago Felipe, Miguel, Nene e Matheus Alessandro

Durante a partida, Matheus Alessandro saiu pra entrada de Lucas Barcelos. Miguel saiu para entrar Felippe Cardoso e Hudson saiu para entrar Dodi.

Primeiro tempo: 

O Fla-Flu começou agitado pro juiz. Logo aos 20 minutos, 2 jogadores do Fluminense já tinham amarelo e um auxiliar tricolor também foi expulso.

Aos 25, o Flamengo também teve seu primeiro atleta amarelado, João Lucas.

O lance de mais perigo do primeiro tempo aconteceu aos 39 e foi do Fluminense. Em falta cobrada por Nenê , a bola bate na trave da meta de Gabriel Baptista.

O primeiro tempo acabou sem muitos destaques, 3 amarelos para o Flu, 2 para o Flamengo. O lance de mais perigo foi do Fluminense, o Flamengo até chegou mais vezes, mas nenhuma com muito perigo.

Cenas lamentáveis: 

Ainda no primeiro tempo, tivemos um acontecimento lamentável vindo da parte da torcida do Fluminense. Os torcedores gritaram “time de assassino” querendo provocar o Flamengo com a maior tragédia da história do clube… Lamentável, até quando?

Segundo tempo:  

Logo no começo do segundo tempo, o Flamengo chega com perigo pela primeira vez no Fla-Flu, aos 2 minutos, Bill recebe na intermediária, avança e arrisca de fora da área e erra o gol por pouco.

Aos 14 minutos, Fluminense chega com perigo novamente em escanteio cobrado por Nenê, Gilberto subiu pra cabecear e por pouco a bola não entra.

Aos 26 minutos do segundo tempo o pior aconteceu, o Fluminense chega com perigo, numa jogada estranha na área, Nenê acerta um calcanhar e abre o placar pro Fluminense.

Aos 30 da etapa final, Hugo Moura leva o terceiro cartão amarelo do Flamengo no Fla-Flu.

Quase que o Flamengo empata! Aos 46 do segundo tempo, Wendel deixou o  Guilherme Bala sozinho com Muriel que bate em cima do goleiro, quase o empate do Mengão no Fla-Flu.

Fim de jogo. Aos 50 minutos o juiz apita o fim de jogo e o Flamengo sofre a primeira derrota do ano. O Mengão volta a campo segunda que vem contra o Resende.

Público e renda do Fla-Flu:

Público pagante: 43.259 pessoas;
Público presente: 46.669 pessoas;
Renda: R$ 1.052.326,00.

 

Obrigado por ler! Se puder ler minha última coluna estaria me ajudando e ajudando demais o site! Me siga (@Lucas_SilvaCRF) no Twitter  e siga o Redação Rubro-Negra (@Red_RubroNegra) no Twitter e no Instagram (@redacaorubronegrah). Contudo, se discordou ou concordou com algo que eu disse, ou lembrou de algo que eu deixei de fora, escreva nos comentários! Críticas, contanto que educadas e construtivas, sempre são bem-vindas! SRN.

Lucas Silva

Lucas Silva

Completamente louco pelo Flamengo 🔴⚫

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *