E-Sports

Flamengo eSports tropeça e perde a final do CbLoL 2020

Na sua quarta final seguida, o Flamengo eSports deixou a peteca cair e consagrou a KaBuM! como campeã da primeira etapa do Campeonato Brasileiro de CbLol 2020. Foram três jogos com poucas respostas boas do Mengão, que sucumbiu a um time preparado e organizado como se mostrou os ninjas.

Primeiro jogo – Flamengo 0×1 KaBuM!

Escalação: WooFe de Lucian, Ranger de Graves, Goku de Orianna, Absolut de Miss Fortune e Jojo de Sett.

O first blood foi conquistado para a KaBuM! em uma iniciação do suporte flamenguista que ficou preso na rota e garantiu duas kills para os adversários. Depois de abater mais uma vez o suporte rubro-negro, o primeiro dragão da partida, da montanha, vestiu a camisa da KaBuM!. O domínio continua sendo do inimigo e o top laner do Flamengo foi pego sozinho. Com isso, aos 10 minutos, placar de 4×0 pra KaBuM! mais o arauto do vale.

Para liberar o mapa, o arauto foi solto na rota inferior, levando a primeira torre e, com a pressão da rota, a equipe adversária garantiu, também, o dragão das nuvens. Mais uma vez, um jogador rubro-negro foi pego sozinho, dessa vez o mid laner e mais um abate para a KaBum! A primeira morte da equipe inimiga acontece em uma boa rotação do caçador flamenguista. Como o time do Flamengo teve que voltar para a base, a KaBum! aproveitou para conquistar o segundo arauto tranquilamente.

O segundo arauto levou a primeira torre da rota do meio e, assim, a KaBuM! partiu para o terceiro dragão do jogo, do oceano. Em uma boa teamfight, o Flamengo respondeu a iniciação errada do adversário que deixou três abates para os rubro-negros. A próxima luta resultou na alma do oceano para a KaBuM! que aproveitou o bom momento e também capturou o buff do Barão.

Depois de dizimar a equipe flamenguista no covil do dragão ancião, a KaBuM! partiu para a base e GGWP KaBuM!

Segundo jogo – Flamengo 0 x 2 KaBuM!

Escalação: WooFe de Ornn, Ranger de Graves, Goku de Akali, Absolut de Aphelios e Jojo de Lulu.

Quem abriu o placar foi o Flamengo eSports que garantiu o first blood com um gank do caçador flamenguista na rota superior. O primeiro dragão, das nuvens, foi feito na surdina pela KaBuM! enquanto o caçador rubro-negro conseguiu mais um abate no topo de Summoner’s Rift. O primeiro arauto e o dragão da montanha também ficaram nas mãos da KaBuM, que prezou pelos objetivos e pressão nas rotas.

Uma luta na rota superior deixou mais dois abates para o Flamengo que, levou vantagem nas mortes, mas perdeu o mapa com duas torres destruídas. O mid laner flamenguista puxou a responsabilidade pra si, garantiu um abate e deixou o caçador rubro-negro livre para fazer o segundo arauto da partida.

Na teamfight pelo dragão do oceano, que vestiu o manto do Flamengo, os rubro-negros brigaram desajeitados e entregaram três abates enquanto ganharam duas. Com a maioria do time na base, a KaBuM! empurrou as rotas e dizimaram mais uma torre. O arauto foi solto pelo Flamengo, mas o erro de posicionamento do suporte flamenguista acarretou na luta que acabou com toda a equipe e deixou o Barão livre, leve e solto para o adversário.

A segunda vitória da KaBuM! veio com as rotas adiantadas com o fim do buff do Barão e um ace pra cima do Flamengo, que não tinha dano nem para lutar nem para segurar a base. GGWP KaBuM!

Terceiro jogo – Flamengo 0 x 3 KaBuM!

Escalação: WooFe de Ornn, Ranger de Graves, Goku de Syndra, Absolut de Xayah e Jojo de Lulu.

Tomando iniciativa, o Flamengo eSports garantiu o primeiro dragão do jogo, do oceano. O caçador inimigo ficou com a primeira kill do jogo em cima do mid laner flamenguista. Com o mapa igual para os dois times, os jogadores optaram por farmar mais do que criar jogadas. A KaBuM! consquitou o dragão infernal e mais dois abates para o top laner em um erro rubro-negro de posicionamento. Com o domínio das rotas, o arauto do vale também vestiu a camisa dos ninjas.

No covil do dragão da montanha, o Flamengo encontrou a teamfight perfeita e garantiu o ace e mais o objetivo. Depois de levarem a primeira torre da rota inferior, o Flamengo iniciou uma luta e deixou seu atirador à vontade para brilhar e conquistar o controle da teamfight. A KaBuM! forçou um dragão da montanha, chamou o Flamengo pro covil do Barão e deletaram o time flamenguista.

Sem forças e sem dano, o Flamengo foi pego sozinho algumas vezes, o que facilitou para o time inimigo dominar e levar a base rubro-negra. GGWP KaBuM!, a campeã do primeiro split.

Taíne Correa

Jornalista, paulista e, para acabar com a rima, jogadora de League of Legends.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar