Pela primeira vez no CbLoL 2020, Flamengo eSports tem duas derrotas seguidas

Esse final de semana não foi dos melhores para a equipe do Flamengo eSports. O time acumulou duas derrotas seguidas, o que ainda não tinha acontecido no CbLoL 2020. Segue a composição de hoje: WooFe de Renekton, Ranger de Olaf, Goku de Victor, Absolut de Aphelios e Jojo de Nautilus

O Flamengo obteve o first blood para o WooFe com um gank de Ranger na rota superior, já que o top laner adversário não tinha mais o flash. A resposta da PRG veio, também, no topo, com três jogadores em cima do WooFe. O primeiro dragão do jogo, das nuvens, ficou de graça para os rubro-negros.

Querendo outro objetivo, o Flamengo foi em busca do arauto. Mas, a equipe da PRG reagiu, roubou o bônus e ainda conseguiu duas kills, enquanto os flamenguistas apenas uma. A PRG soltou o arauto na rota superior, levou a torre e fizeram o dragão do oceano. Depois de completar o objetivo, Jojo foi pego pela equipe adversária, que levaram facilmente o abate. A punição rubro-negra veio com a eliminação do mid laner e a torre do topo.

Na tentativa de pegar o dragão da montanha, a equipe da PRG desceu para o rio e o Flamengo acompanhou, até que Jojo iniciou a teamfight a fim de roubar o objetivo, mas, novamente, a ult do mid laner adversário parou todos os jogadores e, além do dragão, a PRG também conquistou dois abates.

O time do Flamengo, após perder o suporte, deixou a PRG com vida baixa, conseguiu fazer tranquilamente o próximo dragão e equilibrou dois dragões para cada time.

Os rubro-negros tentam parar a Qiyana inimiga no rio perto do barão, mas acabam presos na ult dela e, com isso, barão, pressão de lane, dragão da montanha e duas torres 2 para a PRG. O Flamengo tenta caçar jogadores sozinhos nas lanes para aplicar punição.

Com o foco no suporte flamenguista, o mid laner da PRG consegue um double kill e leva a alma do dragão da montanha. Sem muito o que fazer, o Flamengo inicia o barão, mas é contestado, novamente, pelo mid laner inimigo que, embora não tenha conseguido roubar o buff do barão, adquiriu mais kills e a PRG partiu para a base do Flamengo. GGWP PRG!

Taíne Correa

Jornalista, paulista e, para acabar com a rima, jogadora de League of Legends.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar