Flamengo eSports começa rodada tripla com vitória

O Flamengo eSports iniciou a última semana da fase de pontos do CbLoL 2020 com vitória. No primeiro dos três jogos, o rubro-negro encarou a Vivo Keyd que tentou segurar o bonde do Fla sem freio, mas não conseguiu evitar a derrota. Segue escalação de hoje: Bankai de Camille, Ranger de Karthus, Goku de Sett, Bvoy de Kalista e Luci de Blitzcrank.

O primeiro abate do jogo saiu para a Vivo Keyd em cima do mid laner flamenguista. A resposta do Flamengo veio com a chegada do caçador na rota do meio e acabou que os dois voltaram para a base. Mais uma kill entrou para a conta do rubro-negro com uma bela ultimate do caçador. A vantagem das mortes deram condição do Flamengo fazer o primeiro objetivo do jogo, o arauto.

O arauto foi utilizado na rota superior depois de mais um gank certeiro do caçador. A Vivo Keyd se segurou mandando o mid laner flamenguista mais uma vez para a base. Depois desse abate, as duas equipes se enfrentaram num festival de abates que, inicialmente, começou com 3×2 pro Flamengo e depois a Keyd se recuperou voltando com mais dois abates e o dragão infernal.

O top laner e o mid laner foram pegos sozinhos nas rotas laterais enquanto na rota do meio, a Keyd se destacou com uma boa gameplay e levou um flamenguista e perdeu um de seus jogadores. O segundo arauto do jogo foi conquistado para o Flamengo. Novamente, o mid laner rubro-negro morreu e o time carioca conseguiu responder dizimando o dragão do oceano.

Em uma luta pelo barão, o Flamengo perdeu 4 jogadores e levou apenas um. Querendo se organizar, o Flamengo desceu para o dragão da montanha e garantiu mais um pra conta. O Flamengo eSports iniciou novamente o barão que foi roubado pelo caçador da Keyd, mas o adversário perdeu todos os jogadores na teamfight: ace para o Flamengo e triple kill para o top laner rubro-negro.

No covil do dragão, o Flamengo ganhou mais uma luta, deixando apenas o caçador da Keyd vivo, garantiu o objetivo e só perdeu o top laner. O jogo foi finalizado com a junção dos 5 jogadores na rota do meio, forçando torre e inibidor e, com um puxão do suporte rubro-negro, uma teamfight estourou deixando o adversário apenas com um jogador para defender a base. GGWP Flamengo eSports!

Taíne Correa

Jornalista, paulista e, para acabar com a rima, jogadora de League of Legends.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar