Embaixadas

Fla-Campos, a maior embaixada rubro-negra do mundo

0

De uma simples pelada entre amigos na Gávea foi criada a maior embaixada rubro-negra do mundo, atualmente: a Fla-Campos. E ela já surgiu grande. Quando foi diplomada, em novembro de 2017, possuía 40 sócios-torcedores ativos (o mínimo é 30).

Hoje com mais de 500 associados – e aumentando a cada dia -, o grupo já foi reconhecido duas vezes por ter sido a embaixada a captar mais sócio-torcedores em 2017 e 2018. Entre as estratégias para atrair novos membros estão uma rede de descontos em estabelecimentos locais, além de eventos e promoções exclusivas para associados.

O aumento no número de membros e torcedores que passaram a frequentar os encontros da Fla-Campos levou à criação um espaço próprio, onde os flamenguistas da cidade pudessem se sentir em casa. Com o surgimento da sede, mais um importante passo foi dado rumo à consolidação da embaixada, que hoje representa o coração da Fla-Campos.

–

Mais de 800 torcedores se reúnem na sede da Fla-Campos para assistir à semifinal da Taça-Rio 2019, entre Flamengo x Fluminense.

“Nos primeiros encontros, eu levava a minha TV de casa para o pessoal assistir às partidas. Agora, em alguns jogos de Libertadores, por exemplo, temos que colocar segurança na entrada e até cobrar ingresso, em função do número de pessoas.”, relembrou Thiago Corrêa, um dos fundadores da embaixada.

Além dos eventos para reunir os rubro-negros locais, o grupo também se dedica a diversas ações sociais. Uma delas está saindo do forno no próximo dia 6 de abril – um projeto de inclusão social através do esporte, que oferece cursos gratuitos de Muay Thai, MMA, Jiu Jitsu, Taekwondo, Boxe, Capoeira e Kick Boxing para crianças e adolescentes de comunidades da cidade. Inicialmente, 210 jovens serão atendidos e farão aulas ministradas por professores voluntários na sede da Fla-Campos.

–

Thiago Corrêa destacou também a importância das embaixadas para atrair mais sócios-torcedores para o clube e, claro, para fortalecer o sentimento de pertencimento e a imagem do Flamengo, fora do Rio:

“Se eu estiver em outros lugares do Brasil ou do mundo, eu vou procurar uma embaixada. Existe uma troca, é uma forma de manter todo mundo integrado. Isso vale pra qualquer torcedor. Uma embaixada é a casa do rubro-negro aonde quer que ele vá.”

Quer fazer parte?

Para se tornar um membro da embaixada, o único requisito é ser sócio-torcedor e não há nenhuma taxa ou mensalidade. As inscrições podem ser feitas pelo e-mail [email protected] ou através do site  da Fla-Campos.

E você também pode seguir a Fla-Campos nas redes sociais: Twitter e Facebook (@EmbFlaCampos), Instagram (@embaixadaflacamposRJ) e You Tube (Embaixada Fla Campos-RJ).

Bruna Severo
Jornalista, carioca, 34 anos, mãe de gêmeas e rubro-negra até morrer. Fã do Pet e do Angelim, nosso eterno Magrelo de Aço. Aqui em casa todo mundo é Flamengo.

Arrascaeta e o peso de ser o mais caro da história do Flamengo

Previous article

A base mostrando seu valor

Next article

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error

Gostou do site ? Espalhe essa onda Rubro Negra

Instagram