Defesa volta funcionar e Flamengo empata final.

1
324
Foto: Marcelo Cortes / Flamengo

Flamengo x Franca jogaram a 4° batalha em um Maracanãzinho não tão lotado como no jogo 1, mas com toda certeza mais barulhento que no primeiro embate.

Com toda polêmica causada durante a semana, por causa do jogo pelo campeonato brasileiro entre Flamengo x Fortaleza pela rodada 07 ter mudado de horário das 19:00 para as 16:00, assim fazendo com que os jogos em determinado momento se colidissem, a torcida que compareceu ao ginásio, fez questão de abraçar o time, e mostrar que havia lugar para todas as modalidades no clube.

Certamente foi uma tremenda bola fora do Flamengo, que as vezes da a impressão de bater cabeça internamente, em sequer contestar uma vez que o horário da final do NBB, já estava marcado a bastante tempo.

A torcida chiou. Muita gente esperou ao menos uma nota do clube, nem que fosse para colocar a culpa em alguém. Porem mais uma vez, o mais interessado em ter uma resposta decente da diretoria ficou a ver navios.

Uma torcida de basquete

Desculpem meus amigos mas hoje estou mais critico que o comum.

A torcida hoje fez a parte dela no Maracanãzinho. Os 5792 torcedores que compareceram ao ginásio fizeram uma bela festa. Mas em relação ao número de pessoas presentes foi pouco.

Esqueçam toda a falta de bom senso da nossa diretoria em permitir os jogos em horários que não houvesse possibilidade de quem estivesse com vontade de acompanhar “in loco” os dois jogos, sendo que ambos aconteceram na mesma cidade.

Não conseguir passar de 8 mil pessoas em um ginásio extremamente bem localizado mesmo tendo horário de futebol colado, é no mínimo entristecedor.

É obvio que não tem como comparar o primeiro esporte disparado de nós brasileiros com qualquer outro. Mas o tal chamado “Orgulho da Nação”, com pulmões inflados por quem aparece em algum jogo do FlaBasquete, não merecia um publico maior?

Sabemos que no clube há aquele torcedor que se intitula “torcedor de basquete” , mas tanta gente reclamou durante a temporada toda por ter jogos nas Arenas Olimpicas na Barra da Tijuca, por ser longe. Ou por serem no Tijuca Tênis Clube, pela falta de estrutura. Daí cai um ginásio que reconhecidamente tem melhor localização, climatizado, histórico, e sequer conseguimos colocar um publico a altura dos nossos jogadores?

Sem contar aqueles que jogaram a toalha na fatídica derrota do jogo 4. Sobre esses melhor nem comentar.

Enfim! Fica porem registrado o desabafo de um apaixonado pelo clube, que torce para que de fato ele seja poliesportivo, e que tenha torcida para todas as modalidades, e não só em momentos bons e propícios. Nossa torcida é gigantesca. Conseguimos lotar estádios, ginásios, arenas e o que quer que seja, mesmo que os jogos sejam todos no mesmo horário.

Vamos ao jogo! Flamengo x Franca

Defesa não só ganha partidas, como se consagra em grandes campeonatos.

O que vimos ontem no Maracanãzinho, foi um time completamente coeso. Com cada um mostrando saber sua verdadeira função durante a partida. Um time que mais uma vez se mostrou guerreiro, mas sem perder o foco. Sem querer ganhar apenas na disposição, mas também colocando a cabeça no lugar e jogando com inteligência.

Pela 2° vez, nessa série, o técnico Gustavo de Conti começou o jogo com o ala/armador Kevin Crescenzi. No jogo 3 o treinador Rubro-Negro havia começado com o ala, naquele primeiro quarto de almanaque da terceira partida. Curiosamente naquele apagão do segundo tempo, o jogador que vinha com excelente defesa no jogo, sequer voltou para quadra.

Kevin Crescenzi Foto: Marcelo Cortes / Flamengo

O cara pode não aparecer para torcida por pontuar pouco. Distribuir poucas assistências, até mesmo por ter pouco tempo em quadra. Mas na defesa é um monstro.

Até agora na série tem sido o único jogador do Flamengo a marcar o americano David Jackson com excito. Jackson enquanto Crescenzi esteve em quadra, se demonstrou completamente incomodado. Por varias vezes foi bloqueado em suas geniais jogadas, e por fim arremessos extremamente contestados.

A diferença e ilustração veio logo depois quando Crescenzi saiu, e o adversário americano começou a se sentir mais a vontade no jogo, passando até com certa facilidade por Davi Rossetto, e também por Deryk Ramos.

Eu particularmente acho Gustavinho um baita técnico, mas não consigo entender de forma alguma deixar Crescenzi tanto tempo no banco. O cara se mostra importantíssimo defensivamente, e justamente disso que precisamos.

Os caras do Flamengo

Taticamente o time jogou muito bem. Obediência tática e comprometimento, fizeram com que o time não deixasse a equipe de Franca jogar. Mas certamente Marquinhos fez a diferença.

O Ala parecia incomodado por estar sumido durante toda a série, e resolveu colocar a bola em baixo do braço justamente na partida derradeira. Foram 25 pontos alcançados com muita luta, e aquela habilidade que faz dele disparado o melhor ala do país a muito tempo. Com tanta ênfase, o craque foi eleito o melhor jogador na partida número 4.

Marquinhos Foto: Marcelo Cortes / Flamengo

Anderson Varejão foi outro que mais uma vez se destacou. O nosso Cincão terminou a partida com 19 pontos e 9 rebotes. Mas o que mais ficou evidente para torcida, foi a vontade que Varejão estava para vencer. Ele tem mostrado uma vibração, que conquista qualquer Rubro-Negro.

Varejão Foto: Marcelo Cortes / Flamengo

Olivinha dessa vez contribuiu com 6 pontos, e recuperou 10 bolas.

 

 Flamengo x Franca virou decisão em jogo único

Para quem é “fanzaço” do NBB, e não esta envolvido emocionalmente na série, deve esta adorando. Foram quatro jogos, completamente distintos; E por consequência 2 vitórias pra cada lado.

A decisão virou jogo único, e tudo que foi feito nos quatro primeiros jogos, precisa ser usado como exemplo.

A Concentração deverá estar intacta, e os nervos inabaláveis. É hora de buscar o jogo 5, dentro da casa de Franca,

É hora de ir buscar nosso 6° caneco de NBB.

É hora de fazer história.

 

@RmuloCunha

1 COMENTÁRIO

  1. Infelizmente não seremos campeões com esse time, nosso time não é vencedor desde que conquistamos o último troféu do NBB, a diretoria se apoiou errado pra montar o elenco, o refugo da nba não consegue fazer um simples duplo duplo… Eu o chamarei a partir de agora de varejinha, tomara que o time do ano que vem seja melhor montado, do atual elenco só manteria o Balbi e o Marquinhos

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here