Foto: Caique Andrade / Globoesporte.com

Após uma longa passagem pela Europa, Marcos Braz retornou ao Brasil na manhã desta sexta-feira (31) e a tarde concedeu entrevista coletiva no CT Ninho do Urubu. Falou sobre saída de Abel Braga, negociações com jogadores, Jorge Jesus e muito mais.

Veja mais: Jorge Jesus confirma negociação com o Flamengo

Confira os trechos da entrevista coletiva:

Rafinha

“Todo mundo sabe principal alvo era o Rafinha. Se intensificou bem as conversas lá, tive com ele quase uma semana direto. Tudo certo, não posso dar detalhes em relação a essa contratação. Jogador ainda tem contrato lá, uma história bonita, vamos respeitar todos os passos”

Outras negociações

“Tem mais dois ou três jogadores que a gente antecipou a janela e vem conversando. O euro não ajuda muito nas contratações. Algumas estão bem encaminhadas, duas delas até semanas passadas, jogadores tinham jogos importantíssimos pelos seus times, vou dar exemplo: Monaco”

Jemerson e Zapata

“Esses dois jogadores procedem, estou confirmando, aqui a gente não mente. É um ou outro, o Flamengo terá calma. A gente entende que tem que contratar para reforçar ainda mais o elenco. Vamos ter 4 jogos aqui e o prazo para fazer as contratações”

Abel Braga

“Acho que teve apoio de todos da comissão técnica. Quanto a mim, quando ele quis pôr A, B ou C, sempre teve respaldo. Muitas vezes não concordando, mas eu quietinho, respeitando trabalho e a posição que é soberana de qualquer treinador”

Negociação com Mourinho

“Não tem absolutamente nada. O Flamengo não estava atrás de Mourinho, atrás de B, C ou D. Estava no mercado. Como foi feito contato com Mourinho em 24h, 48h? O Abel saiu na quarta. Mourinho nunca foi procurado”

Jorge Jesus

“É verdade o encontro que ele disse. Ajustamos até pelo fato de ter que vir para o Brasil. Aproveitando a oportunidade que o Landim está na Europa, que é o presidente, nada mais natural que uma possível contratação deste nível seja conduzida pela presidentes”

Filipe Luís

Estivemos com Filipe Luis e apresentamos o mesmo projeto que apresentamos pro Rafinha. Não é só troca de clube, é decisão de vida. Tinha uma convocação da Seleção e ele pediu um prazo. O prazo foi dado, assim como foi dado para o Rafinha”

Liberação da CBF e Thiago Maia

“Esse enredo já é antigo (liberar Cássio e Fágner), o Andres é muito habilidoso. Quanto a Thiago (Maia), parece que o Lille quer envolver o jogador em uma troca, uma negociação. Tudo muito superficial, muito raso. Não tem absolutamente nada”

Sampaoli

“Essa relação com o Sampaoli começou no inicio do ano. O Sampaoli é técnico do Santos e o Flamengo não fará nenhum posicionamento por respeito ao Santos. São dois pontos. Tem o respeito ao Santos e o respeito ao contrato do Sampaoli”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui