Coreanos carregam novamente e Flamengo eSports garante mais uma vitória

Coreanos carregam novamente e Flamengo eSports garante mais uma vitória

Mais uma vez, a botlane coreana do Flamengo eSports garantiu a vitória para o time carioca. Bvoy e Luci deram um show de mecânica e estratégia em um jogo pegado e com começo todo vantajoso para a equipe adversária. Segue a escalação de hoje: Bankai de Wukong, Ranger de Olaf, Goku de Syndra, Bvoy de Ezreal e Luci de Tahm Kench

A jogada inicial começou com invasão do Flamengo no buff do red da Vivo Keyd que não adiantou de muita coisa, pois o caçador inimigo conseguiu recuperá-lo com o golpear. O first blood saiu para o adversário na rota superior, eliminando o top flamenguista.

Aproveitando que o caçador rubro-negro estava na rota superior, a Vivo Keyd levou o primeiro dragão do jogo, o das nuvens. Com toda a pressão das rotas, a Vivo assegurou, também, o primeiro arauto. A equipe inimiga soltou o arauto na rota do meio e pegou o mid flamenguista sozinho, que voltou morto para a base. Essa jogada rendeu mais um dragão para a Vivo Keyd, o da montanha.

Enquanto a Vivo Keyd invadiu a selva do Flamengo eSports e garantiu uma kill em cima do caçador flamenguista, o top laner rubro-negro empurrou a rota inferior até destruir a torre. Com isso, o Flamengo conseguiu o segundo arauto, dizimou uma torre, meia vida da segunda e ainda garantiu um abate. A resposta da Vivo Keyd veio com o terceiro dragão, o infernal.

O foco da Vivo Keyd ficou totalmente na parte inferior, por conta do próximo dragão que garante a alma, e o Flamengo ganhou vantagem na parte superior, onde o atirador inimigo foi pego sozinho e deixou a rota toda beneficiada para o rubro-negro. A teamfight perto do covil do dragão estourou com uma bela entrada do top laner e deixou a conta da luta por 4 kills a 1 pro Flamengo. Na volta da base, a Vivo Keyd levou o atirador e o suporte, mas o dragão foi conquistado pelo rubro-negro.

A Vivo Keyd iniciou o barão mesmo com jogadores com pouca vida, mas encontrou o top laner flamenguista furioso que iniciou outra teamfight, mandou o caçador inimigo pra base e ganhou o objetivo para o Flamengo. Com o buff do barão, o Flamengo rotacionou para a rota superior e empurrou os minions com toda força.

A alma do dragão infernal ficou para a Vivo Keyd em uma luta que favoreceu todo o time e eles abdicaram do segundo barão para levar a torre número 3 e o inibidor. O Flamengo fez o objetivo, voltou para sua base e pegou o time adversário inteiro numa ótima ultimate do suporte flamenguista no meio da selva que deixou o atirador livre pra bater e conquistar o ace. Sem inimigos no mapa, a equipe do Flamengo partiu para a base e GGWP Flamengo eSports!

Taíne Correa

Taíne Correa

Jornalista, paulista e, para acabar com a rima, jogadora de League of Legends.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *