Futebol Profissional

Carioca define data de retorno e Flamengo espera aval do governo para jogar na quinta-feira

Após três meses de paralisação, Conselho Arbitral da FERJ realizado na noite de segunda-feira com os clubes cariocas projeta volta aos gramados a partir de quinta-feira, 18

Paralisado desde o dia 16 de março em virtude da pandemia do novo Coronavírus, o Campeonato Carioca tem a possibilidade concreta de retornar ainda nessa semana. Em reunião virtual realizada com a presença dos representantes da entidade carioca e da delegação dos clubes participantes do torneio, foi debatida a retomada das partidas profissionais e os protocolos que deverão ser adotados nesse retorno sem público.

A Assembleia – que teve o seu início na tarde de segunda-feira, 15, e que foi encerrada na madrugada de terça-feira – obteve sinal positivo da maioria dos 16 clubes participantes e projeta um jogo entre Flamengo e Bangu já nesta quinta-feira, 18, no Maracanã.

No entanto, apesar de aprovada em primeira instância pelo conselho arbitral da FERJ, a decisão ainda depende de um parecer favorável das autoridades sanitárias governamentais e municipais. Com isso, ficou acordado que, caso não haja uma resposta concreta até quarta, 17, a volta aos gramados se dará no dia seguinte ao aval governamental.

Botafogo e Fluminense são contra a retomada das atividades

O retorno das partidas do Campeonato Carioca, apesar de ter sido aprovada pela maioria votante, ainda prevê ações na Justiça prometidas pelo Fluminense e pelo Botafogo, que seguem irredutíveis em suas decisões de não voltar a campo e buscam apoio judicial para não serem prejudicados pela volta considerada prematura.

Os dois clubes, a princípio, sugeriram um retorno em julho, época em que o Estado teria maior controle da Covid-19 e o número de mortes seria reduzido. No entanto, a dupla foi voto vencido e recebeu uma proposta da FERJ para que seus jogos fossem disputados nos dias 22 e 26 de junho, datas que possibilitariam a aplicação dos testes de Coronavírus em seus jogadores e o retorno aos treinos.

Botafogo e Fluminense estão entre os únicos clubes que não retomaram nenhuma atividade.

– Como as datas marcadas (22 e 26) para o retorno dos nossos jogos são inaceitáveis, do ponto de vista da saúde de nossos atletas, não vamos a campo e vamos buscar as medidas na justiça desportiva para fazer valer o que é certo, já que se trata de um estado de calamidade pública – disse Mário Bittencourt, presidente do Fluminense.

– Acionei o Departamento Jurídico assim que acabou o Arbitral. O Botafogo vai buscar defender os seus interesses caso as datas apresentadas sejam confirmadas. O futebol impacta sobremaneira a vida das pessoas e a mensagem para a sociedade que se deveria passar, nesse momento, não é de competição ou disputas – acrescentou Nelson Mufarrej, presidente do Botafogo.

O Conselho Arbitral da FERJ terá continuação hoje, a partir das 20 horas, e prevê um consenso entre os clubes para o retorno das partidas, incluindo possíveis novas datas para os jogos de Botafogo e Fluminense.

Veja a nota oficial da FERJ:

“No Conselho Arbitral realizado virtualmente nesta segunda-feira (15/06), a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro e os clubes que disputam a Série A do Campeonato Carioca de 2020 debateram assuntos pertinentes ao retorno da competição.

O presidente da FERJ, Dr.Rubens Lopes, reafirmou que não abre mão dos pilares preservação da saúde individual e coletiva e contribuir ao combate à disseminação da COVID-19; obediência às determinações das autoridades; e observância do Protocolo rigoroso e técnico com bases científicas.

Todos os presentes debateram, democraticamente, as sugestões das datas de reinício da Taça Rio, a ser iniciada após aval oficial do governo. Caso este não venha até o dia 17, assim que acontecer a Taça Rio será retomada no dia seguinte. A sugestão de datas foi aprovada pela maioria.

Dia 18 – Bangu x Flamengo

Dia 19 – Portuguesa x Boavista

Dia 21 – Vasco x Macaé; Madureira x Resende

Dia 22 – Fluminense x Volta Redonda; Botafogo x Cabofriense

Após a discussão, os clubes decidiram continuar nesta terça-feira, às 20h, o Conselho Arbitral.

No decorrer da reunião, os clubes aprovaram também o atestado de saúde, alteração para 5 substituições com três paralisações na partida, a flexibilização para utilização de jogadores não profissionais, revisão da inscrição de atletas para a Taça Rio e voltarão a debater ainda o destino de uma vaga na Copa do Brasil.”

Veja também: Os momentos mais marcantes do Flamengo no Maracanã

 

João Argento

Estudante de Comunicação Social - Cinema e Audiovisual na Universidade Federal Fluminense, atualmente no quinto período. 20 anos e flamenguista fanático.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar